Arquivo da categoria: SBT

Consolidados: Audiência da TV nesta Quarta-Feira (20/10/2011)

:globo:

Bom Dia Brasil 8
Bem Estar 5
Mulheres de Areia 16
Malhação 16
A Vida da Gente 23
Aquele Beijo 29
Fina Estampa 39

:sbt:
Bom Dia & Cia 5
As Visões da Raven 8
Chapolin 6
Chaves 6
Amigas Rivais 5
Cristal 5
Marimar 6
Casos de Família 5
Chaves Noturo 8
SBT Brasil 6
Se Ela Dança Eu Danço 7
Um Milhão na Mesa 12
Programa do Ratinho 5
Amor e Revolução 6
Conexão Repórter 6

:record:
Fala Brasil 6
Hoje em Dia 5
Jogos Pan Tarde 7
Jornal da Record 7
Rebelde 8
Jogo Pan NOT I 10
Jogos Pan NOT II 11

:band:
SP Acontece 3
Liga Campeões Europa 2
Brasil Urgente Local 4
Jornal da Band 5
Copa Sul-Americana 4

Anúncios

“Conexão Repórter” recebe duas indicações para o “Prêmio Esso 2011”

O programa “Conexão Repórter”, apresentado pelo jornalista Roberto Cabrini, recebeu duas indicações que já estão classificadas entre as finalistas do “Prêmio Esso 2011”.

Com as reportagens “Oxi – A Nova Droga” e “Somália, Diário das Trevas”, o jornalístico do SBT conseguiu uma boa colocação no ranking da premiação, que nunca antes havia classificado duas reportagens de um mesmo programa.

Em 2010, o “Conexão Repórter” ganhou o “Prêmio Esso Especial de Telejornalismo”.

O trabalho premiado foi “Sexo, Intrigas e Poder na Igreja Católica”, que denunciou casos de pedofilia envolvendo padres, no estado de Alagoas.

Com saída de diretor, jornalismo do SBT repete problemas

Por Fernando Oliveira | Do Ig – Coluna “Na TV”

O SBT acaba de oficializar a saída de Alberto Villas do comando de seu departamento de jornalismo. A notícia não é exatamente encarada como surpresa, uma vez que as mudanças implementadas pelo ex-diretor não surtiram efeito na audiência. Principal produto jornalístico da emissora, o “SBT Brasil” não emplacou na audiência – ficou na casa dos 5 pontos nos melhores dias, longe dos dois dígitos pretendidos. Mesmo com a proposta de se fazer um jornalismo mais “popular” e cheio de opinião, não conquistou o público. Da mesma maneira, a contratação de Rachel Sheherazade e Joseval Peixoto não alterou os índices já alcançados por Carlos Nascimento, que foi relegado a horários ingratos.

Não é de hoje que o jornalismo do SBT vive tempos difíceis. Sempre que tenta emplacar um projeto mais sério, morre na praia. Em julho desse ano, a emissora já havia realizado demissões em seus quadros. Difícil entender porque o departamento não consegue se consolidar. Desde a saída de Boris Casoy, nos anos 90, tem tentado de tudo. Nomes como Ana Paula Padrão, Hermano Henning e Carlos Nascimento também não obtiveram o sucesso esperado. Há profissionais que se queixam de problemas de estrutura e falta de investimento. Agora, o jornalismo do SBT aguarda mais um comandante. Mas de nada adiantará fazer uma nova contratação se todo o projeto não for reformulado. Não dá para fazer telejornais com estrutura meia-boca. É preciso, sim, fazer um grande investimento. E rever alguns conceitos. Afinal, jornalismo popular não se resume a legendas divertidas exibidas em reportagens ou editoriais que procuram, mas não despertam polêmica nenhuma.

* As opiniões aqui expressas são de responsabilidade de seu autor, não tendo nenhum vínculo com o Mega Audiência;

Teleton terá Galisteu, Luciana Gimenez e Daniela Albuquerque

Do IG | Gente

Nesta sexta-feira (21), o SBT dá início a 14ª edição do Teleton. Além dos artistas da casa, como Eliana e Marília Gabriela, estrelas de outras emissoras farão parte da ação social. A Band, por exemplo, liberou Adriane Galisteu e Felipe Andreolli. A Gazeta vai enviar Ronnie Von e Claudete Troiano. Erick Marmo vai representar a Globo. E a RedeTV! permitiu que Luciana Gimenez e Daniela Albuquerque estivessem na festa que beneficia a AACD.

Leia também: Hebe Camargo anuncia na gravação de seu programa que voltou a fazer tratamento contra câncer

A lista de convidados confirmados, que conta com quase cem nomes – incluindo Silvio Santos –, não trás o nome de Hebe Camargo. Esta é a primeira edição do Teleton desde que a apresentadora deixou o SBT.

Durante a coletiva de imprensa da atração no início de outubro, foi informado que Hebe, que é madrinha do projeto, teria sido liberada pela RedeTV!, mas estava com um problema de agenda. A apresentadora já estaria com uma viagem internacional marcada na data do evento.

Fim da novela, Celso Portiolli renova contrato com o SBT

Do UOL | NaTelinha

Conforme já era esperado, Celso Portiolli renovou contrato com o SBT na tarde desta quarta (19).

A informação foi dada pelo diretor da emissora, Leon Abravanel. “Pronto! @celsoportiolli renovou contrato. Ele parece feliz, não acham?”, escreveu em seu Twitter. A mensagem foi retwittada pelo apresentador do “Domingo Legal”.

A negociação acontecia há algumas semanas. Segundo boatos que circularam pela imprensa, o SBT propôs a Portiolli um modelo de sociedade, similar ao aplicado a Ratinho, Raul Gil e a Gugu em seus últimos anos na emissora.

A ideia do canal era dividir os custos e lucros com o apresentador, além de conceder-lhe um contrato sem validade e sem multa rescisória.

Celso Portiolli resistiu ao máximo aos termos deste novo contrato e conseguiu. Ele segue como funcionário pelos próximos três anos, com um salário que gira em torno de R$ 200 mil por mês.

Desde 1993 no SBT, o apresentador comandou vários programas no canal e assumiu o “Domingo Legal” em 2009, após a saída de Gugu Liberato, que foi pra Record.

Diretor de jornalismo é demitido do SBT após sete meses

Do UOL | NaTelinha

Contratado para assumir a diretoria geral do jornalismo, função até então desempenhada por Luiz Gonzaga Mineiro, Alberto Villas foi demitido do SBT nesta semana.

Villas teve seu contrato de cinco anos rescindido e está fora da emissora. O cargo deverá ser ocupado por Paulo Nogueira, responsável pelo jornalismo da filial carioca do SBT.

A demissão de Alberto Villas é mais uma da série de demissões feitas por Silvio Santos nestas últimas duas semanas. Entretanto, até então, apenas o setor da dramaturgia estava sendo afetado com as saídas do diretor Del Rangel e dos colaboradores Renata Dias Gomes, Miguel Paiva e Elliana Garcia.

Alberto Villlas foi contratado pelo SBT em março. Ele era o coordenador de redação do “Fantástico” e funcionário da Globo de longa data. No SBT, o objetivo principal era reformular os jornais da casa dando-lhes um tom mais popular e com índices de audiência mais expressivos.

O novo “SBT Brasil”, com Joseval Peixoto e Rachel Sheherazade, foi o primeiro fruto de um trabalho totalmente subordinado a Villas e sua nova equipe. Porém, a audiência não reagiu, mantendo-se na casa dos 4 pontos, e não houve boa aceitação por parte da crítica.

A saída de Villas da direção de jornalismo não chega a ser encarada com surpresa. cogitava-se tirar o diretor do jornalismo e transferi-lo para a área de conteúdos, similar àquela que trabalhava na produção do “Fantástico”. Entretanto, Silvio optou pela demissão.

Lívia Andrade é motivo de demissão no SBT, diz jorna

Céditos: R7;

A modelo e atriz Lívia Andrade pode ter sido o verdadeiro motivo da demissão de Del Rangel do SBT.

Diretor de novelas como Uma Rosa com Amor e Vende-se um Véu de Noiva, Rangel estava no comando do remake de Carrossel, e escalou boa parte do elenco.

Na última semana, o diretor foi dispensado da emissora.

O SBT informou que o diretor saiu por causa de uma reestruturação interna da área de teledramaturgia.

Lívia Andrade diminuiu os seios para entrar em novela, mas perdeu o papel

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, desta segunda-feira (17), o principal motivo da dispensa foi Lívia Andrade.

Ela foi cotada para viver a professora Helena, mas Rangel não a queria no elenco.

Segundo o jornal, ele insistiu para que ela ficasse de fora do folhetim, mas quem saiu foi ele.

Estreia de “Marimar” garante segundo lugar ao SBT

Na tarde desta segunda (17), às 16h, o SBT reestreou a novela mexicana “Marimar”, protagonizada pela atriz e cantora Thalia.

Em termos de audiência, a trama foi bem e garantiu à emissora de Silvio Santos o segundo lugar isolado na audiência.

Segundo dados prévios do Ibope na Grande SP, “Marimar” registrou média de 7,5 pontos, contra 6 da Record e 15 da Globo.

Desde março o SBT não exibia uma novela mexicana. A última trama da Televisa transmitida pela emissora foi “Camaleões”, história jovem que foi ao ar na faixa das 16h.

“Marimar” foi gravada originalmente em 1994. No Brasil, foi exibida três vezes pelo SBT e uma pelo canal CNT.

Consolidados (16/10/2011) | Audiência deste domingo na TV

Rede Globo
Camp. Brasileiro – 20
Fantástico – 20
Temperatura Máxima (Motoqueiros Selvagens) – 19
Faustão – 17
Hipertensão – 12
Domingo Maior (Justiça Urbana) – 12
Didi – 11
Esporte Espetacular – 9
Globo Rural – 8

Rede Record
Domingo Espetacular – 13
Gugu – 11
Pan – 11
Jogos Pan Americanos Vespertino – 10
Jogos Pan Americanos Matutino – 9
Record Kids – 5

SBT
Programa Silvio Santos – 13
Eliana – 12
Tele Sena – 11
Domingo Legal – 10
Roda a Roda Jequiti – 9
Chaves (Manhã) – 8
De Frente com Gabi – 8 

Band
Campeonato Brasileiro – 6
Terceiro Tempo – 4
Bones – 2

RedeTV!
Pânico na TV – 9
Dr. Hollywood – 5
O Último Passageiro – 3

* Cada ponto do Ibope equivale a 60mil residências na Grande São Paulo;

Diretora de “O Melhor do Brasil” acusa Eliana de plágio

Do UOL | NaTelinha

Uma polêmica marcou o programa “Eliana” deste domingo (16). A atração do SBT estreou um quadro chamado “As Fadinhas Safadinhas”.

Nele, Dimmy Kier, Silvetty Montilla e Amanda di Polly tem uma missão: transformar um ogro em um verdadeiro príncipe. As drag queens escolhem um homem e transformam seu visual. No palco do programa, a esposa conhece o novo marido em um grande suspense.

Durante a exibição do quadro, a diretora do programa “O Melhor do Brasil”, da Record, acusou de forma indireta a atração do SBT de cópia: “É impressionante como falta criatividade a certos programas: Copia do ’Arruma Meu Marido’!!! Fazer o que, né?”.

No quadro “Arruma Meu Marido”, comandado por Rodrigo Faro, a mulher que não aguenta mais seu marido relaxado se inscreve no programa para ter o visual completamente alterado.

Procurada pelo NaTelinha, a assessora de imprensa de Eliana disse que o quadro foi criado por Leonor Côrrea, diretora do programa. 

Eliana voltou há duas semanas da licença-maternidade para apresentar a atração. Por enquanto, ainda não está participando da pauta, produção e edição.